Leituras de Março


Março não foi um mês tão devagar quanto fevereiro, mas também não li tanto quanto gostaria. Gostei bastante da maior parte, o que já é ótimo. Relembrando...


1 – Por Lugares Incríveis, de Jennifer Niven

Um daqueles livros que te devastam, comovem, encantam, arrasam de novo, comovem, irritam, devastam ao quadrado, para só então terminarem, deixando um gosto de saudade, solidão e amor. Não dá para explicar, mas eu bem que tentei na resenha.


2 - O Reino das Vozes que não se calam, de Carolina Munoz e Sophia Abrahão

A ideia é ótima, mas os personagens são chatos. Não vou dizer que não gostei, pois tive bastante curiosidade a respeito da trama e seu desenrolar. Meu maior problema foi com a protagonista, que parece querer nos mostrar o quão problemática é com coisas que em lugar nenhum desse mundo poderiam ser motivo para tanto se odiar. Ainda assim, a premissa é legal e o final chega a surpreender.


3 - Fingindo, de Cora Carmack

Lançamento do mês da Novo Conceito, é um ótimo new adult. Não é bem uma sequência de Perdendo-me, mas acompanha um dos personagens do anterior. A leitura é fluida e o enredo convence. Saiba mais através da resenha.


4 - Supernova: O Encantador de Flechas, de Renan Carvalho

Um ótimo exemplar nacional de fantasia, trata-se de mais um dos lançamentos de março da parceira Novo Conceito, sob o selo Novas Páginas. O enredo é narrado de uma forma muito agradável e os detalhes se desenvolvem muito bem. Vale a pena conferir a resenha aqui.


5 - O Desafio, de Rachel Van Dyken

Sequência de A Aposta, o livro promete a mesma pegada do primeiro, porém voltada para personagens diferentes, anteriormente coadjuvantes. Não curti A Aposta, achei que foi fraquíssimo em termos de new adult, mas tinha esperanças com a sequência. Nada feito. Continuo não gostando da escrita da autora.


6 - Fragmentos, de Dan Wells

Finalmente consegui meu segundo volume da série Partials. Estava muito ansiosa pela leitura, mesmo sabendo que a editora responsável pelas publicações no Brasil, a ID, acabou de encerrar suas atividades. Achei este volume um pouco mais lento que o primeiro, mas esta é, sem dúvida, uma das distopias mais interessantes que já li. O último volume, Ruims, não deve ser lançado aqui, mas já está disponível em inglês.


7 - A Mais Pura Verdade, de Dan Gemeinhart

Lançamento do mês de março da Novo Conceito, o livro possui um enredo típico do genêro dos sick-lits, mas difere na abordagem, mostrando uma jornada muito especial. Resenha disponível aqui.


Comecei a ler Orgulho e Preconceito ainda em março, graças à edição bilingue que estava namorando e acabei comprando. A intenção é ler em português e já emendar a leitura em inglês... Bom, consegui ler mais do que em fevereiro, mas ainda não foi tanto quanto gostaria. Espero conseguir mais em abril. E vocês, leram bastante?

6 comentários:

  1. Adorei suas leituras :)
    Li A Mais Pura Verdade, estou lendo O Encantador de flechas e não vejo a hora de ler Fingindo e O Desafio :)
    Que Abril seja cheio de ótimas leituras :D

    Beijos
    tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :)
      desejo o mesmo! Os 3 são ótimos

      Excluir
  2. Oi Camila :3

    Minha leitura atual é Fingindo e tô amando... se bem que cheguei no finalzinho e a Max ficou um pouco mimimizenta mas fazer o que www.livroterapias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu to com um ódio de comentar pq tá cortando </3 adorei Partials mas e agora, como farei pra ler o último sendo que meu inglês não é mara? HAUEHAUEAHUEAHUE
      Mas adorei saber suas opiniões de livros que ainda não li!

      Beijos

      Excluir
    2. Haha, a Max não é mais chata do que a Bliss, já tá de bom tamanho, né?

      Excluir
    3. Então... meu inglês também não é nada bom, mas a ânsia por saber o final da história supera isso, haha.

      Excluir

Gostou do post? Por que não faz um comentário e deixa uma blogueira feliz? :)