Resenha: Coração sem fim – Larissa Lúcio de Carvalho


Um romance que ressalta os sentimentos mais profundos vividos pelo ser humano, o conflito que esbarra no contraste do volúvel para o estável. A preocupação das tartarugas marinhas e recifes de corais, a adoção de animais abandonados, temas polêmicos envolvendo dislexia, bipolaridade e bulimia. Tudo dentro de um contexto familiar que se atrela nas relações de amizade, gerando amores platônicos, amores reais e amores doentios.



Coração sem fim, escrito pela autora Larissa Lúcio de Carvalho e publicado pela Chiado Editora, é um romance denso, marcado por várias nuances do cotidiano, abordando temas polêmicos e a força da amizade sincera.



Samanta, Bianca e Ruan são melhores amigos desde a infância. Eles viveram toda a sua vida no litoral, participando das mesmas brincadeiras e presenciando o crescimento um do outro. Agora, adultos, cada um tem um sonho e, ao que parece, esses sonhos são capazes de separá-los, pela primeira vez. Samanta cursa uma faculdade, mas acabou de receber um chance única de estudar na Inglaterra; Bianca é uma modelo promissora e está para embarcar para o Japão; já Ruan, nunca quis partir, e nutre um amor secreto por uma delas, sem saber que a outra sente o mesmo por ele. Dramas do amor à parte, a história não se atém apenas a isso, trazendo também assuntos envolvendo problemas familiares, perdão e doenças da alma.



Só de pensar que os dois estariam juntos, sentiu um ciúme estranho que nunca sentira antes.”



A história é narrada em terceira pessoa, mas isto não afasta a emoção dos personagens. A personagem principal é Samanta, mas todos os coadjuvantes, não só Ruan e Bianca, são importantes e possuem certo enfoque na trama. Com o desenrolar dos fatos, frente às perspectivas de cada um, conseguimos notar características que complicam o atual estado dos três. Sam é uma amiga leal, mas não pensa duas vezes antes de decidir deixar tudo para trás e viajar para ficar longe por anos. Bianca já está na estrada há mais tempo, graças a seu trabalho, mas desta vez, algo pode interferir nos seus planos. Ela é muito egocêntrica e não faz a menor ideia de que o mundo não gira a seu redor. Enquanto isso, Ruan pode ser a cola que une o trio, ou a tesoura que corta os laços de vez. Os três precisam de muita maturidade para lidar com as provações, que acabam chegando de forma repentina e por todos os lados. Muita coisa acaba acontecendo antes e durante as viagens das garotas, mas nada será o mesmo quando elas voltarem.



Não consigo entender como algumas pessoas não conseguem cuidar, zelar por algo que faz bem a outras vidas. Estamos lutando para conseguir salvar várias espécies de tartarugas e, de repente, trinta aparecem mortas e, pelo jeito, por causa da degradação humana. É desanimador.”



Basicamente, o enredo traz as complicações do amor não correspondido e platônico, mas também daquele puro e delicioso sentimento de descoberta. Além disso, temos temas bem interessantes em pauta, alguns mais polêmicos, outros bastante instrutivos. Bulimia e outros distúrbios psicológicos complementam a história, mas não em excesso. Consciência ambiental e respeito pelos seres vivos foi o tema que mais me encantou na trama, que conta com uma ONG fictícia que cuida de seres em risco extinção nos oceanos. Parece muita informação, mas não é. A trama é bem amarrada e não exagera no desenvolvimento. Os próprios romances, no plural mesmo, são surpreendentes, bem como o final.



(...)Você tem ideia que não há futuro algum para nós três juntos? A partir do momento que houver escolha, um sairá completamente ferido. A amizade não existe mais (...)”



É um livro grande (452 páginas), mas a leitura voa, pois a história é muito ágil. A imagem da capa é bem sugestiva, revelando uma parte do que encontraremos no enredo. Eu esperava um final mais direto ou óbvio, e foi muito bom encontrar algo mais bonito e verdadeiro. Minha única ressalva é quanto ao final incerto de um personagem coadajuvante, que foi uma surpresa ao ser inserido no meio da trama, mas conquistou meu coração. De qualquer forma, quase tudo foi surpreendente e, por isso, adorei a leitura, que recomendo a todos que curtam romance e um mundo além dos personagens principais.

30 comentários:

  1. Oi Camilla!
    Não conhecia o livro, mas achei a história bem interessante. Faz tempo que não leio romances assim.

    Beijos,
    Epílogos e Finais

    ResponderExcluir
  2. Realmente, pela capa já imaginei como poderia ser este livro, até que eu estava um pouco certa. Agora quero saber com quem o Ruan vai ficar, geralmente é com a protagonista mas aí não parece. Camilla, muito obrigado por me deixar muito curiosa querendo saber como é o enredo deste livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só digo isso: o livro inteiro é uma surpresa!

      Excluir
  3. Adorei a resenha, adoro livros que abordam o tema amor, fiquei super interessada para ler esse livro, a história parece ser incrível, e adoro o tipo de livro que apesar de ter muitas páginas a leitura flui tão bem que nem vemos passar o tempo enquanto estamos lendo, pretendo ler em breve.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é... muitas páginas e muita informação, mas a história flui muito bem :)

      Excluir
  4. Apesar de eu não ser livro interessado em livro que contém amor, eu adorei esse livro! O que me chamou mais atenção foi saber que não só a personagem principal, mas também os coadjuvantes, são bastante importante para o enredo do livro, coisa que dificilmente acontece nas leituras. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, aqui cada personagem tem seu momento :)

      Excluir
  5. Oi, Camilla! Eu sinceramente não consigo imaginar tudo isso junto em uma só história. No mínimo a autora deve ter muita maestria para conseguir jogar com as palavras e os temas. Ah, e já fiquei ansiosa pra ler por dois motivos: a capa e sua resenha, ótima como sempre! ;)

    Beijão, Guta! ♥
    www.opinada.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, acho que a estratégia da autora deu muito certo neste caso :)

      Excluir
  6. Não conhecia nada sobre esse livro, a princípio a premissa me agradou bastante e fiquei muito interessada, parece um livro gostoso de se ler e a história me pareceu bem emblemática e me atraiu bastante, mas quem não gosta de um bom romance?? Enfim, já anotei o nome e quero ler em breve.
    Bjs!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, romances dramáticos estão sempre na lista da maioria , ne? :*

      Excluir
  7. Oi Camila, não conhecia o livro mas gostei do que li na sua resenha. A quantidade de páginas não me assusta ainda mais quando o enredo é tão bem desenvolvido como parece ser o caso.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, quem curte a leitura nem sente as páginas passarem...

      Excluir
  8. Oi :)
    Nossa pela capa não imaginava que o livro poderia ser tudo isso. Não conhecia o livro mas saber que ele é nacional me faz gostar ainda mais dele. Gostei muito da sua resenha, me fez querer muito lê-lo, fiquei muito curiosa para saber o destino de cada personagem.
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  9. Quando vi o título e a capa desse livro logo pensei que seria um daqueles romances clichês e chatos de se ler. Mas, com a sinopse e a resenha percebi que não tem quase nada haver com meus pensamentos. Gosto bastante de livros que trazem assuntos polêmicos do nosso dia-a-dia.

    ResponderExcluir
  10. Oi Camila, descobri sua parceria com a Chiado do meu livro pelo goolge e consequentemente sua linda resenha. Fiquei encantada com a maneira que vc compreendeu a mensagem que eu quis transmitir ao leitor. Muito obrigada! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado. O livro me encantou realmente, então adorei saber que compreendi a mensagem :*

      Excluir
  11. A tesoura ou a cola, aiai, acho que é responsabilidade demais para anos de amizade!!
    A ideia do livro, a priori, não me encantou muito, mas, conforme fui lendo a resenha, vi que poderia ser melhor do que o esperado, quando cheguei ao fim do seu texto, eu meio que já tinha sido cativada.
    Acho que fui vencida pela curiosidade de uma promessa de um final inesperado.
    Esses outros temas inseridos tendem a enriquecer a obra, acho que será um ponto positivo.
    Não gosto de personagens egocêntricos e tão pouco desse "ela que ama ele que ama outra e a outra que não ama ninguém", mas acho que o livro merece uma chance.
    A capa ficou muito bonita :) .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, a princípio o enredo assusta mesmo, mas o desenrolar é tão surpreendente, as decisões dos personagens são tão diferenciadas, que o livro se transforma em uma trama muito bem bolada :)

      Excluir
  12. Oie
    Mesmo você tendo gostado da história faltou algo pra ela me conquistar ,nem aquela curiosidade pra saber o desfecho eu senti.E tem várias páginas,sou meio preguiçosa kkk.Mas ainda bem que pra você foi uma boa leitura,quem sabe um dia eu mude de opinião e o leia.
    beijos

    ResponderExcluir
  13. Achei a história muito interessante! Fiquei empolgada em poder ler, sua resenha foi maravilhosa!
    Amei a que a história se refere e os ensinamentos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, há muito em pauta aqui. Muito válido mesmo :)

      Excluir
  14. Gostei mto da resenha, acho que apresentou bem o livro e oq podemos esperar da trama.
    3 amigos que se gostam mto e que cresceram juntos, mas que tem aí um problema, pq um gosta de um deles que gosta da outra.... gostei de saber que se trata de uma historia com complicações do amor não correspondido e platônico, acho que a vida é assim tb ne?!
    O livro é grandinho mesmo, mas eu adoro livro assim, ainda mais quando é romance e bem escrito.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. POis é, a gente nem sente a quantidade de páginas quando a história sabe o que quer contar, ne? :)

      Excluir
  15. Amei a resenha. O livro parece ser incrível :)

    ResponderExcluir
  16. Camilla!
    Adoro romances e quando eles vem com outros temas importantes para serem discutidos como bulimia e outros distúrbios psicológicos, me apaixono de vez porque é bem direcionado a minha área de formação.
    E ainda fala sobre temas ecológicos, animais marinhos e ONG, temas importantes na atualidade que podem nos orientar e instruir.
    Já quero demais.
    “O pior dos problemas da gente é que ninguém tem nada com isso.”(Mario Quintana)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir

Gostou do post? Por que não faz um comentário e deixa uma blogueira feliz? :)