SSpecial: Capas galácticas


Já devo ter dito isso por aqui, mas se não disse, agora é a hora. Alguns de vocês já devem ter notado (quem acompanha meu instagram, com certeza) que tenho uma certa obsessão por estrelas e, claro, por galaxy print (qualquer estampa/ilustração/fotografia de galáxias, constelações, nebulosas...). Qualquer objeto que tenha como detalhe algo assim ganha minha atenção imediatamente. Quem já teve o prazer de receber marcadores do blog pode notar que o fundo da imagem nada mais é que o próprio cosmos. O layout do blog também não fica atrás, embora possua cores mais leves por questões óbvias (por mais lindo que fosse ter no plano de fundo uma nebulosa, precisamos concordar que nuances de preto e roxo deixariam tudo um pouco escuro demais...). O importante é a ideia que passamos. Naturalmente, livros que tenham enredo ou capas representando o céu estrelado, com cores vibrantes ou o espaço sideral, também me atraem. Muito! Eles não são muitos, se pararmos para pensar, mas os poucos já me deixam impossibilitada de, sequer, escolher o favorito (pelo menos não em relação às suas capas).

marca-páginas do blog :)

Da última vez que tentei (ênfase no “tentei”) organizar minha estante, passando pela prateleira das distopias, percebi um número razoável de livros cujas capas se enquadrariam na descrição que tanto me agrada. Vejam só, que capas mais lindas!


Da coleção da Beth Revis (Através do Universo - Um Milhão de Sóis – Vestígios da Terra) ainda me falta o primeiro, que está bem difícil de encontrar. Já até paguei por um exemplar na Livraria Cultura, mas até agora não encontraram para mim... Enfim, a trilogia tem capas lindas, mas a minha preferida é a de Um Milhão de Sóis.

Na Companhia das Estrelas é um livro que ainda não li, embora tenha bons motivos para tal. A capa mostra as constelações vistas da Terra, o que também me atrai, embora não tanto quanto àquelas vistas do próprio espaço.

Quando falo em beleza das capas, falo também dos jogos de cores. O pouco que sei e imagino do universo visto do cosmos me remete a cores, luzes e o contraste com a escuridão. Por isso, A última Princesa acabou entrando para o rol das capas estelares. Como podem ver, temos um céu colorido (quase das cores do layout do blog), mas não temos estrelas evidentes. Se você olhar bem, pode até compará-lo com o céu do livro Never Sky – Sob o céu do nunca, que tem as mesmas cores, desta vez demonstrando o chamado éter (na mitologia grega, é o céu fora dos limites, puro, mais brilhante; no livro, é um componente mortífero vindo em tempestades direto para a Terra). Parecidas, lindas e, ao mesmo tempo, significando coisas diferentes, as duas são lindas.

Já as capas de Brilho e Centelha, são lindíssimas ao sobrepor o perfil dos personagens às estrelas (sob um ponto de vista que, ao que parece, nunca poderei testemunhar em vida). Brilho é uma capa ainda mais interessante por conter pontos de luz em alto relevo, que dão à imagem ainda mais vida e beleza.

Bom, não conheço muitas outras imagens como essas em livros, mas adoraria conhecer, caso algum de vocês possa me indicar. Qualquer livro com uma capa neste estilo estariana minha wishlist sem pensar duas vezes. Afinal, como não se encantar por imagens assim? Somos todos poeira de estrelas...

p.s: finalizo o post com algumas imagens lindas que encontrei por aí e dariam ótimas capas de livros...

Supernova
Nebulosa
galáxia em espiral

11 comentários:

  1. Adoreeeei as capas ,Eu quero Um Livro desses ai viu /?rsrs ,São fantasticas as capas ,super curtir .

    ResponderExcluir
  2. Eu sou apaixonada por galáxias!!! Não só por galaxy print, ilustrações e imagens, tenho um grande amor por astronomia. Adorei as capas, nunca tinha visto esses livros acredita? Já quero todos pra mim pra admirar na minha estante hahaha
    Super curti seu blog e já estou inscrita <3

    Beijão,
    www.garotaroyal.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Galáxia, espaço em geral, são muito incríveis, ne? *-*

      Excluir
  3. As capas são mesmo lindas *o*
    Brilho e centelha são perfeitas. Quero muito ler, vi resenhas e adorei a temática. Gostei do post, tem vários outros tipos de capas para se fazer também. É uma ótima ideia =}
    Bjs
    http://leituras-insanas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Enquanto separava esses livros identifiquem várias outras para posts futuros :)

      Excluir
  4. Cara, que coisa linda :o
    Já quero esses para mim :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camilla :D

      Ah, as capas de Brilho e Centelha são MARAVILHOSAS, já faz algum tempo que namoro os livros, e é exatamente por causa delas, as galacticas sempre chamam minha atenção. Inclusive, tenho uns três daqueles potinhos "galaxy" na prateleira e adoro!!
      O layout do blog é lindo viu <3
      Bjs :*

      Excluir
  5. Ameeei as capas, já estava doida para ler Brilho e Centelha só pela beleza da capa (sim, eu julgo um livro pela capa huahauhua) para falar a verdade achei que Um Milhão de Sóis fosse da mesma série.
    Capas maravilhosas, muito bom gosto! Beijos

    ResponderExcluir
  6. o livro atraves do universo tem pra vender beemm barato n livraria top livros (se vc ainda n conseguiu aiquiri-lo)

    ResponderExcluir

Gostou do post? Por que não faz um comentário e deixa uma blogueira feliz? :)